A TRANSGRESSÃO DO RACISMO CRUZANDO FRONTEIRAS: ESTUDOS CRÍTICOS DA BRANQUITUDE: BRASIL E ESTADOS UNIDOS NA LUTA PELA JUSTIÇA RACIAL

Main Article Content

César Augusto Rossatto

Resumo

Este artigo usa Estudos Críticos da Branquitude como forma de desconstrução da branquitude ou supremacia branca. Examina-se como o racismo permeia fronteiras internacionais. Propõe-se uma educação antirracista. O termo “Educação Multicultural” é problemático pois as pessoas pensam que existe uma receita pre-estabelecida para resolver conflitos raciais. Por isso em este artigo comparam-se, as similaridades e contrastes fundamentais entre as questões raciais no Brasil e Estados Unidos no que diz respeito as ações afirmativas relativas à implementação de cotas raciais, como uma forma educacional alternativa. Apresentam-se também análises historicas sobre o poderio e dominação da colonização branca e seus efeitos hoje, em referencia a conquista dos direitos sócio-comunitários dos afro-brasileiros e afro-estadunidenses com respeito ao direito à educação e outros direitos civis. A guisa de conclusão, propõe-se elementos norteadores, quanto as ações afirmativas, nos campos do currículo e políticas educacionais.   

Article Details

Como Citar
ROSSATTO, César Augusto. A TRANSGRESSÃO DO RACISMO CRUZANDO FRONTEIRAS: ESTUDOS CRÍTICOS DA BRANQUITUDE: BRASIL E ESTADOS UNIDOS NA LUTA PELA JUSTIÇA RACIAL. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 6, n. 13, p. 120-133, jun. 2014. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/154>. Acesso em: 24 ago. 2019.
Seção
Dossiê Temático