RACISMO COMO INSTRUMENTO EPISTEMOLÓGICO E POLÍTICO PARA O ENTENDIMENTO DA SITUAÇÃO DA POPULAÇÃO NEGRA NA SOCIEDADE BRASILEIRA

Main Article Content

Mário Luiz de Souza

Resumo

Esse artigo debate a utilização da categoria racismo nos estudos sobre a condição da população negra, tendo como objetivo central demonstrar a sua importância para a construção desse conhecimento e da luta política que tais estudos possam ensejar. Nesse sentido, comungamos com os pesquisadores que apontam que a exclusão e a dificuldade econômica e social vivida pela maioria dos negros não é obra do acaso, ou de um processo natural, mas fruto de relações concretas que se constituíram na formação da nossa sociedade, sendo o racismo uma determinação fundamental para o entendimento de tal processo. Contudo, apontamos que o uso dessa categoria, para dar um resultado profícuo, não pode ser transformado num instrumento teórico que engesse o estudo sobre a questão do negro, retirando do campo de estudo outras importantes contribuições sobre as condições da população negra.   

Article Details

Como Citar
SOUZA, Mário Luiz de. RACISMO COMO INSTRUMENTO EPISTEMOLÓGICO E POLÍTICO PARA O ENTENDIMENTO DA SITUAÇÃO DA POPULAÇÃO NEGRA NA SOCIEDADE BRASILEIRA. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 6, n. 12, p. 06-23, fev. 2014. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/175>. Acesso em: 24 fev. 2020.
Seção
Artigos