MEMÓRIA COLETIVA EM UMA COMUNIDADE NEGRA RURAL DO SUL DO BRASIL

Main Article Content

Leandro Haerter

Resumo

Este texto discute memória coletiva como um elemento essencial do processo de auto-identificação quilombola de uma comunidade negra rural do Sul do estado do Rio Grande do Sul. A partir de dados etnográficos e historiográficos, articula uma discussão sobre a temática da memória coletiva, enfatizando a figura das velhas escravocratas que deram origem aquele território negro através de uma “deixa” de terras e um possível processo de negociação dos antigos escravos com suas senhoras, na busca por uma maior autonomia negra no seio do sistema escravista. 

Article Details

Como Citar
HAERTER, Leandro. MEMÓRIA COLETIVA EM UMA COMUNIDADE NEGRA RURAL DO SUL DO BRASIL. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 5, n. 10, p. 204-226, jun. 2013. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/210>. Acesso em: 08 abr. 2020.
Seção
Artigos