EDUCAÇÃO, DESIGUALDADE E DIVERSIDADE: grupos menos favorecidos frente ao sistema escolar brasileiro

Main Article Content

Jurandir Almeida de Almeida Araujo

Resumo

O objetivo do presente artigo é refletir sobre as desigualdades sociais e culturais existentes no sistema educacional brasileiro, enfocando as dificuldades de acesso e permanência de grupos menos favorecidos, e historicamente discriminados - a exemplo da população afrodescendente -, a uma educação pública, democrática e de qualidade. Partindo do pressuposto que o ensino oferecido a estes grupos, no Brasil, não corresponde às suas demandas, necessidades e interesses, assim como, não oferece elementos mínimos para que os sujeitos destes grupos se desenvolvam plenamente – intelectual, social e profissionalmente. Nos últimos anos, algumas políticas educacionais foram criadas pelo Estado com o objetivo de minimizar desigualdades existentes no sistema escolar brasileiro, no entanto, há ainda uma resistência por parte da escola em colocá-las em prática. Precisamos progredir muito para que de fato essas políticas se efetivem. A luta é antiga e os resultados já são notórios.

Article Details

Como Citar
ARAUJO, Jurandir Almeida de Almeida. EDUCAÇÃO, DESIGUALDADE E DIVERSIDADE: grupos menos favorecidos frente ao sistema escolar brasileiro. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 4, n. 8, p. 114-125, out. 2012. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/255>. Acesso em: 08 abr. 2020.
Seção
Artigos