EDUCAÇÃO ATRAVÉS DOS AGOGÔS, ATABAQUES E PANDEIROS: UM ESTUDO DO SAMBA DE RODA GOIANO EM PERSPECTIVA INTERDISCIPLINAR

Main Article Content

Luciana de Oliveira Dias Natália Rita de Almeida

Resumo

O presente artigo é decorrente de uma pesquisa desenvolvida no âmbito da dissertação de mestrado defendida em 2016 no Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Direitos Humanos, da Universidade Federal de Goiás, na qual orientanda e orientadora aceitaram o desafio em documentar o samba de roda que acontece na cidade de Goiânia, mais especificamente no Setor Serrinha, relacionando-o com questões de direitos humanos. O samba de roda é entendido como uma expressão da cultura popular, que congrega saberes tradicionais, com inserção no campo da educação popular. A partir desta perspectiva, entendemos que através dos agogôs, atabaques e pandeiros, e também através das danças, dos sons, das comidas, das rodas, das performances, das memórias coletivas um processo de ensino-aprendizagem antirracista é ativado.

Article Details

Como Citar
DIAS, Luciana de Oliveira; ALMEIDA, Natália Rita de. EDUCAÇÃO ATRAVÉS DOS AGOGÔS, ATABAQUES E PANDEIROS: UM ESTUDO DO SAMBA DE RODA GOIANO EM PERSPECTIVA INTERDISCIPLINAR. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 9, p. 111-126, dez. 2017. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/444>. Acesso em: 21 fev. 2020.
Seção
Caderno Temático