A TRADIÇÃO ORAL DAS PRÁTICAS DE BENZEÇÃO

Main Article Content

Celina Gontijo Cunha Clézio Roberto Gonçalves

Resumo

 Esse artigo se propõe a analisar as rezas de cura populares inseridas no contexto das práticas de benzeção, considerando-se a tradição oral e o rito no processo de interação social. Para tanto, iremos percorrer por outras áreas do conhecimento, que estão atreladas a oralidade e que se fazem presente dentro do universo das benzeções, tais como a cultura popular, a religiosidade popular, a medicina popular, na intenção de compreender, as relações interpessoais estabelecidas, que mantém a tradição ainda atual e que fazem da benzedeira um agende social do seu meio. O nosso olhar estará voltado às origens dessa prática, considerando-se, sobretudo, a influência afrodescente na formação de uma identidade étnica/social das benzedeiras.

Article Details

Como Citar
CUNHA, Celina Gontijo; GONÇALVES, Clézio Roberto. A TRADIÇÃO ORAL DAS PRÁTICAS DE BENZEÇÃO. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 10, p. 30-42, jan. 2018. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/528>. Acesso em: 15 ago. 2018.
Seção
Caderno Temático