DIONNE BRAND E SANDRO ORNELLAS: UM ENCONTRO NA CASA DA REEXISTÊNCIA

Main Article Content

Lourdes Silva Modesto Alves Pedro Sena

Resumo

O trabalho que aqui se apresenta pretende aproximar a escritora Dione Brand e o poeta e professor Sandro Ornellas pelo aspecto da reexistência, buscando responder à pergunta: de que forma a reexistência está presente na obra destes autores? Dione Brand, autora caribenha-canadense, terceira poeta laureada de Toronto, tem produzido uma obra a respeito da mulher negra na cidade contemporânea que merece atenção. Tanto sua poesia como sua prosa tratam as questões do feminismo negro e pós-colonial de uma forma forte, vibrante e atual. Sandro Ornellas, professor do setor de literatura portuguesa da Universidade Federal Da Bahia, poeta, traz uma escrita calcada nas derivas da subjetividade e na fatalidade do corpo. A reexistência em Sandro Ornellas reside, em primeira mão, não pautada diretamente nas questões tangentes aos debates étnicos-raciais, de gênero ou sexualidade, mas, não obstante, nas demandas que passam pelo campo da solidão do sujeito contemporâneo frente à cultura.

Article Details

Como Citar
ALVES, Lourdes Silva Modesto; SENA, Pedro. DIONNE BRAND E SANDRO ORNELLAS: UM ENCONTRO NA CASA DA REEXISTÊNCIA. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 10, p. 811-828, jan. 2018. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/566>. Acesso em: 21 out. 2018.
Seção
Caderno Temático