RESISTÊNCIA E LUTA DO MOVIMENTO NEGRO NO BRASIL: DA REBELDIA ANÔNIMA NA SOCIEDADE ESCRAVOCRATA AO ENFRENTAMENTO POLÍTICO NA SOCIEDADE DE CLASSES

Main Article Content

Flávia Maria Silva Vieira

Resumo

O processo de participação política e inserção social da população negra ao longo dos últimos anos, a constituição e trajetória do movimento negro, assim como os contextos nos quais ele se insere são fundamentais para entendermos os rumos das políticas públicas para a população negra no Brasil. O século XXI descortina um momento ímpar no que diz respeito às relações étnico-raciais no país, marcado pela efetivação de políticas de ações afirmativas para afro-descendentes em diversos setores da sociedade. Os aspectos históricos, políticos e sociais relacionados à organização dos movimentos negros são passíveis de uma maior reflexão num contexto em que a crescente articulação do segmento com a construção de ações específicas é essencial para a superação do quadro de desigualdades sócio-raciais no país.

Article Details

Como Citar
VIEIRA, Flávia Maria Silva. RESISTÊNCIA E LUTA DO MOVIMENTO NEGRO NO BRASIL: DA REBELDIA ANÔNIMA NA SOCIEDADE ESCRAVOCRATA AO ENFRENTAMENTO POLÍTICO NA SOCIEDADE DE CLASSES. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 8, n. 20, p. 23-38, out. 2016. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/6>. Acesso em: 18 jun. 2019.
Seção
Artigos