O TRONCO HISTÓRICO DA DANÇA AFRO-BRASILEIRA

Main Article Content

Marilza Oliveira da Silva

Resumo

O histórico da dança negra no Brasil, especificamente na cidade de Salvador é marcado pela resistência dos seus disseminadores que reconhecem nela o reflexo da história e memória de um povo. Mesmo vista por muitos como uma dança marginal, exótica e ancorada na linha da invisibilidade, ainda sobrevive. Torna-se, portanto relevante abordar pungentes fatos colonizadores pelos quais o negro e sua cultura passaram a fim de desfazer distanciamentos de ordem histórica e social. Neste artigo apresento um histórico sobre o surgimento da dança afrobrasileira e as figuras marcadamente responsáveis por esse advento. O espaço Soteropolitano como o lugar onde os ramos do tronco se desdobraram tornaram-se um local de referência para as pesquisas voltadas para a dança afro, principalmente a inspirada na dança dos orixás.

Article Details

Como Citar
SILVA, Marilza Oliveira da. O TRONCO HISTÓRICO DA DANÇA AFRO-BRASILEIRA. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 11, n. 27, p. 64-85, fev. 2019. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/665>. Acesso em: 24 ago. 2019.
Seção
Dossiê Temático