EDUCAÇÃO TRADICIONAL AFRICANA E LEI 10.639/03: EM BUSCA DE DIÁLOGOS ENTRE BENIN E BRASIL BLACK GEOGRAPHIES PODEM COLABORAR NESSE PROCESSO?

Main Article Content

Geraldo Braga Júnior

Resumo

Este texto (re)apresenta algumas ideias de A. Hampatê Bá, A. Babatunde Fafunwa e outros teóricos africanos sobre educação tradicional africana. Está estruturado em três seções. A primeira traz as principais contribuições desses autores para o tema. Na segunda, buscamos articular seus ensinamentos com a Lei 10.639/03 e apresentamos, em linhas gerais, a pesquisa que desenvolvemos sobre educação tradicional familiar no Benin (Antigo Reino do Daxomé) no programa de Mestrado Profissional em Ensino de História (UFRRJ). A fase final é espaço para apontar confluências entre a nossa pesquisa e a Geografia através dos ensinamentos de Milton Santos sobre tempos espaciais e das contribuições de K. McKittrick, C. Woods, Latoya E. Eaves e Harold Miltom Roses  no tocante às Black Geographies.

Article Details

Como Citar
BRAGA JÚNIOR, Geraldo. EDUCAÇÃO TRADICIONAL AFRICANA E LEI 10.639/03: EM BUSCA DE DIÁLOGOS ENTRE BENIN E BRASIL. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 12, n. Ed. Especi, p. 109-125, abr. 2020. ISSN 2177-2770. Disponível em: <http://www.abpnrevista.org.br/revista/index.php/revistaabpn1/article/view/856>. Acesso em: 27 maio 2020.
Seção
Caderno Temático