OS QUE VIERAM PARA BRANQUEAR O BRASIL: O MOINHO DE GASTAR GENTE E A IMIGRAÇÃO ALEMÃ NO SÉCULO XIX

Main Article Content

Cristina Mair Barros Rauter

Resumo

Um estudo introdutório sobre imigração de povos de língua alemã para o Brasil do século XIX, num contexto em que sua vinda era valorizada por teóricos como Nina Rodrigues como os que iriam salvar o Brasil de seu destino de nação negra. As raças negra e índia e a mestiçagem eram vistas como causa do atraso; Manoel Bomfim, na passagem do século XX descreve os males da sociedade brasileira como relacionados ao parasitismo exercido por uma classe dominante que não quer ter despesas, mas somente lucros, numa sociedade em cuja camada mais profunda está o negro escravizado. Que relação terá o imigrante de origem alemã com essa realidade, nesse período que culminou com a abolição oficial da escravidão, cujas marcas formatam as relações entre as classes na sociedade brasileira ainda hoje? Diante do risco de ser tragado pelo “moinho de gastar gente” em ação nessa sociedade marcada pelo trabalho escravo e pelos privilégios dos mais

Article Details

Como Citar
RAUTER, Cristina Mair Barros. OS QUE VIERAM PARA BRANQUEAR O BRASIL: O MOINHO DE GASTAR GENTE E A IMIGRAÇÃO ALEMÃ NO SÉCULO XIX. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 10, n. 24, p. 67-88, fev. 2018. ISSN 2177-2770. Disponível em: <https://www.abpnrevista.org.br/index.php/site/article/view/574>. Acesso em: 17 out. 2021.
Seção
Dossiê Temático