PÁGINAS EM BRANCO: NEGROS NA IMPRENSA BLUMENAUENSE: 1998 - 2002

Main Article Content

Sandro Lauri da Silva Galarca Raquel Briana Piske

Resumo

A mídia atua como formadora e propagadora de uma imagem permanente dos atores sociais por meio de seus produtos jornalísticos, publicitários e de entretenimento. Esta pesquisa, vinculada ao Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB) da Universidade Regional de Blumenau, que atua no ensino, pesquisa, extensão e cultura no desenvolvimento de políticas de diversidade étnico-racial, promoção de igualdade e valorização das populações de origem africana, busca analisar qual a imagem no negro que é projetada pelo Jornal de Santa Catarina no período de 1998 a 2002, em suas mais diversas dimensões as questões ligadas à valorização da diversidade étnico-racial em Blumenau e região. Através da Análise de Conteúdo (Bardin,1997) a intenção foi fazer mapeamento quantitativo e análise qualitativa, levando em consideração textos, jornalísticos ou não, que trouxerem qualquer referência aos termos ou assuntos ligados à negritude, negros, pardos, pretos, escravos, africanos, considerando de forma ampla e abrangente todo e qualquer assunto que possa estar relacionado com sua religião, cultura, história ou presença na sociedade. Para isso, foi realizada a consulta aos materiais do acervo do Arquivo Histórico José Ferreira da Silva, em Blumenau. Notou-se que há poucas reportagens que discutem a temática, apesar dos negros estarem numa grande maioria de edições, porém, em posições consideradas estereótipos sociais.

Article Details

Como Citar
DA SILVA GALARCA, Sandro Lauri; BRIANA PISKE, Raquel. PÁGINAS EM BRANCO: NEGROS NA IMPRENSA BLUMENAUENSE: 1998 - 2002. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 12, n. 34, p. 687-710, nov. 2020. ISSN 2177-2770. Disponível em: <https://www.abpnrevista.org.br/index.php/site/article/view/849>. Acesso em: 26 out. 2021.
Seção
Artigos