INDÍCIOS DE UMA PERSPECTIVA (DE)COLONIAL NO DISCURSO DE PROFESSORES (AS) DE QUÍMICA SOBRE AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS

Main Article Content

Silná Maria Batinga Cardoso Bárbara Carine Soares Pinheiro

Resumo

Esse trabalho investigou a percepção de dois professores de Química do Centro de Referência da Educação de Jovens e Adultos em Aracaju/SE sobre a relevância da temática racial através de dados construídos a partir de entrevistas semi-estruturadas e analisados pela metodologia de análise textual-discursiva (ATD) sob os referenciais de Decolonialidade, dos estudos da Educação das Relações Étnico-raciais e das pesquisas que envolvem o ensino de Química e a Lei 10.639/03. Com base na análise dos dados, foi identificado que os professores dão importância a temática de acordo com as suas experiências de vida e, consequentemente, da sua percepção sobre o racismo. Portanto, é urgente a necessidade de se investir na formação continuada decolonial dos professores para que os capacite a lidar positivamente com as questões raciais em sala de aula.

Article Details

Como Citar
CARDOSO, Silná Maria Batinga; PINHEIRO, Bárbara Carine Soares. INDÍCIOS DE UMA PERSPECTIVA (DE)COLONIAL NO DISCURSO DE PROFESSORES (AS) DE QUÍMICA SOBRE AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as (ABPN), [S.l.], v. 13, n. 35, p. 464-492, fev. 2021. ISSN 2177-2770. Disponível em: <https://www.abpnrevista.org.br/index.php/site/article/view/902>. Acesso em: 17 out. 2021.
Seção
Artigos